Histórico

 

A Universidade Federal do Rio Grande (FURG) tem reconhecimento nacional e internacional no campo das ciências ambientais. Ao longo de mais de 30 anos, várias foram as iniciativas de cunho científico/institucional que produziram condições extremamente favoráveis para a gestão ambiental, sempre com foco nos ecossistemas costeiros e marinhos.

A intenção de estreitar de forma mais efetiva os laços entre a universidade e a sociedade sempre foi uma preocupação da FURG, em especializados docentes que vêm trabalhando com as questões de gestão e planejamento no âmbito nos vários institutos que compõem a nossa universidade, mas especialmente do Instituto de Oceanografia (IO).

Em 1993, como uma consequência das constatações que emergiram da CMMA - Rio 92, em relação à necessidade de uma gestão ambiental integrada das zonas costeiras no mundo todo, surgiu o Programa TRAIN-SEA-COAST (TSC), uma rede mundial de capacitação de recursos humanos criada pela Organização das Nações Unidas (DOALOS/ONU), com o objetivo de capacitar recursos humanos para o Gerenciamento Costeiro Integrado. A rede opera através da qualificação dos profissionais por meio do desenvolvimento e oferta de cursos de capacitação em temas onde forem identificados problemas e demandas.

Em 1995, uma agência TSC foi instalada na FURG (TSC Brasil), passando a fazer parte da rede mundial. Ao longo do período de sua atuação mais intensa, até 2009, o TSC-Br abordou variados aspectos de gestão costeira no Brasil e foi responsável pela oferta de cursos de capacitação em todos os estados costeiros brasileiros e no Uruguai, tendo proporcionado capacitação a centenas de profissionais.

Os professores que participaram da implementação e operação do TSC-Br foram os responsáveis pela idealização do Programa de Pós-Graduação em Gerenciamento Costeiro (PPGC), como uma via natural de continuidade das ações de gestão costeira integrada, avançando não apenas na capacitação, mas principalmente no desenvolvimento de pesquisas de caráter integrado entre diversas áreas do conhecimento visando a sustentabilidade do uso do espaço costeiro e marinho.